2 ideias sobre “BRM 300 km – maio – Rota do Sol

  1. Anônimo

    Este tive o PRAZER de fazer o ANO PASSADO e completar…..é CASCA GROSSA mesmo…..se DEUS quiser estarei lá novamente, com muita FÉ para poder completar e passar pelos obstáculos que não são poucos com certeza !!!!!!!

    Vale a pena lêr os relatos dos ciclistas mencionados.

    Abraço a TODOS e bom PEDAL !!!!!!!!

    GUTO PEREIRA

    Responder
  2. Carlos Polesello

    Devido a altimetria – sobe e desce constante – esta prova tem que aproveitar e ir mais rápido na ida porque a volta é mais difícil pelo cansaço acumulado. Pela época, o frio e a neblina são inevitáveis. O trajeto é bom, sendo uma das mais difíceis, mas a visual é maravilhoso.

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *